Ártico: Mais gelo agora que em 1971

O National Geographic publicou este mapa da extensão do gelo do mar do Ártico em 1971

OCEANO ÁRTICO

Este mapa é a extensão atual do gelo do mar no Ártico.

N_daily_extent.png (420 × 500)

Ma imagem abaixo eu sobreporei as imagens na mesma escala. A borda de 1971 é mostrada em marrom, a borda atual é mostrada em verde. Como vocês podem ver, o limite atual se estende um pouco mais do que a borda de 1971. A borda irá encolher um pouco durante o restante da estação de derretimento no verão, mas o ar frio nos mares de Chukchi e Beaufort minimizará a derretimento nas próximas semanas.

Esta mapa é consistente com os dados do relatório DOE de 1985 ” Projetando os efeitos climáticos do aumento do dióxido de carbono” –  que apresenta pouca extensão de gelo antes do pico de 1979, onde os cientistas de clima falsos sempre começam seus gráficos.

Fraude no gelo no Mar Ártico | O Deplorável Blog de Ciência Climática

Um artigo de jornais da década de 1950 confirmaram que a extensão e a espessura do gelo marinho eram baixas.

O rosto em mudança do Ártico; O rosto em mudança do Ártico 

A imprensa mainstream não informará isso, porque eles não estão interessados ​​em fatos ou ciência real.

Aposto que vocês não vai ver  nenhum desses fatos, porquê ninguém terá a coragem de contradizer a história verdadeira, porque a história não pode contradizer quem viveu esses fatos e os escritos feitos por aqueles que nos precederam, se  não tentando falsificá-la como infelizmente acontece muitas vezes por uma causa que não tem nenhuma comparação.

O mínimo solar prolongado que  infelizmente é próximo a chegar, terá a distinção de rearranjar todo, como a natureza já fez por milhares de anos. A história se repete, como  se repete o clima e seus ciclos e as eras geológicas.

Não falta muito agora, é apenas uma questão de tempo… pouco tempo, e os governos ainda não estão preparados por a ‘mudança climática’ que irá rebaixar as temperaturas globais de 1 – 2 graus C. Parece pouco 1 – 2 graus a menos mas isso é muito para a agricultura e já isso aconteceu durante o minimo de Maunder.

SAND-RIO

Anúncios

6 Comments

  1. Posted 4 agosto 2017 at 6:27 PM | Permalink

    A NOAA – NSIDC a muito tempo vem falsificando a média e os gráficos sobre a real quantidade de gelo nas calotas polares

  2. Mark
    Posted 4 agosto 2017 at 11:36 PM | Permalink

    The 2017 picture ice extent was in July, was the 1971 example also in the same month? I don’t read Portuguese so I can’t tell.

  3. Antonio Muniz Gomes
    Posted 6 agosto 2017 at 11:52 PM | Permalink

    Contra a imagem não se pode negar, o gelo aumentou. No Estado do Rio na Serra a temperatura chegou a -7,30 graus de madrugada, geou no sul do Estado.Congelou tudo!

  4. Duanny D. P. Neves
    Posted 10 agosto 2017 at 3:49 PM | Permalink

    Como certa vez disse Olavo de Carvalho: Só há um problema em acreditar em consenso científico. Não é científico.

  5. Anonimo
    Posted 19 agosto 2017 at 2:10 AM | Permalink

    O mundo está doente! Apesar do RJ onde moro estar tendo um Inverno frio, praticamente todo Hemisfério Sul está tendo um Inverno ameno. Em Julho, o Leste tropical do Brasil(Leste do Sudeste, do Nordeste e parte do Centro Oeste) foi a única área do Hemisfério Sul abaixo da média. TODA a Zona Temperada ficou acima da média. E não é a primeira vez que isso acontece. No HN, meses de Inverno como Dezembro de 2015 e os Fevereiros de 2016 e 2017 também tiveram uma Zona Temperada quase inteira acima da média. Aí uma coisa que eu queria entender: Porque ainda falam que os Invernos no mundo estão mais frios? De 2014 pra cá estão cada vez menos frios.


Comente

Required fields are marked *

*
*

%d blogueiros gostam disto: