Por alguns dólares a mais ….

Foi um dos meus filmes favoritos … após a série da Trindade e com todos os outros do gênero Western italiano…espaguete western….

Por alguns dólares (muito na verdade), naquela época se estava disposto a tudo…. roubar, matar …

Hoje, porém, falo sobre o aquecimento global … atribuindo a culpa para qualquer evento na “Mudanças Climáticas”, que por sua vez tem como causa a emissão de CO2 decorrente de atividades humanas.

Como a seca, as ” bombas de água “,  furacões, os monções, o aumento da queda de neve, o aumento de gelo na Groenlândia, mas também muitas outras coisas que não estão diretamente relacionadas com o clima … e que afetam a saúde humana, o comportamento animal ou plantas. Para acabar com a geologia da Terra. Aconteça o que acontecer por alguns anos agora, a culpa é sempre das Mudanças Climáticas … CO2 e, em seguida, do homem…. somos os culpados de tudo o que acontece no nosso planeta… somos ‘poderosos’…

Por alguns dólares a mais o ‘mundo’ está disposto a fazer qualquer coisa …. pelo menos é o que eu penso / Temo que … por que não de outra forma explicar o comportamento de certos ” especialistas ” ou pseudo-tal. E aqui no Brasil sabemos o que está acontecendo por alguns dólares a mais….

O Brasil como qualquer pais do mundo é uma nação particular … em que, historicamente, tem havido períodos de seca períodos muito úmidos, períodos quentes e períodos com mais frio. Que, aliás, acontece em muitos lugares climaticamente semelhantes seja no norte do hemisfério que no sul.

Contudo, a história não tem valor. Como  não tem a física …  que explica certos eventos … ou a estatística que nos diz que não há nada particularmente extremo em que temos vivido nos últimos meses, anos.

Mas é só ligar a TV e nós encontramos os especialistas endinheirados que explicam, em grande detalhe, que os fenômenos meteorológicos nos últimos anos são causados pela enorme quantidade de CO2 na atmosfera. Embora, na realidade, não é assim!

E as pessoas acreditam!

Mas a coisa que mais me irrita, é que, para fundamentar a suas teses, remetem para os modelos climáticos que têm valor … de zero … ou quase.

E assim vemos que os modelos climáticos nos dizem, há quase 20 anos, por causa da CO2 as temperaturas  subiram incansavelmente ao redor do mundo, fazendo cada ano a marca mais positiva dos novos registros. Então descobrimos que a realidade não é assim …

Sempre os mesmos modelos nos mostram uma tendência clara, clara e bem documentada para o aumento da seca e temperaturas nas próximas décadas … com valores cada vez mais elevados … de modo que seria adequado prever com antecedência para fazer investimentos que aumentam as reservas de água em determinadas áreas … como é agora certo que veremos menos chuva.

Não … não é assim!

O clima é a resposta do planeta a variações cíclicas da energia recebida do sol. Eles são cíclicos pois a órbita de nosso planeta, assim como os outros planetas e do Sistema Solar interno em torno do centro da galáxia, tem uma forma elíptica. Portanto periodicamente … a uma distância de um número de anos, séculos e milênios, repetem os mesmos arredores com a mesma quantidade de energia que o nosso planeta recebe do sol.

E uma vez que o nosso planeta é formado por vários ” elementos ” … tais como água, ar, terra, florestas, etc … a energia é continuamente redistribuída entre estes elementos … que por sua vez se comportam de uma maneira diferente com base em toda uma série de razões.

Por exemplo, o ar aquece rapidamente … mas tão rapidamente esfria. A água aquece muito lentamente …. mas tão lentamente esfria. E estes dois elementos, enquanto quentes, se misturam  dentro deles e assim são criados as correntes que  movem o calor de um lado para o outro. Na água do mar, por exemplo, é preciso um processo que os pseudo especialistas que falam na televisão de Mudança do Clima aparentemente nunca entrou nas cabeças deles: a solubilidade (ou Lei de Henry).

Na prática, é isso … muito pouco conhecida e considerada lei (fundamental) do gás,  explica que as propriedades de uma substância (no nosso caso, este é o CO2  como gás específico) para dissolver-se em outra substancia a uma dada temperatura, dando origem a uma solução, diminui com o aumento da temperatura. Em outras palavras, quando o oceano aquece, a capacidade do mar para acumular CO2 é reduzida. Como resultado, aumenta o CO2 presente na atmosfera … e esta quantidade é determinada tanto pelas emissões naturais humanos e / ou clássicas, tanto a partir mesmo mar, que é re-emitida, como resultado do aumento da  temperatura.

Bem … quando falamos de CO2 atmosférico, devemos lembrar que os mares / oceanos ao redor do mundo, eles contêm esse gás em uma quantidade enorme … que passa da água para a atmosfera como os mares aquecem. Então, quando eles começam a esfriar, eles vão voltar novamente para acumular CO2 … para continuar a fazer o ciclo do carbono, com a sedimentação e transformação de sedimentos em rocha.

Lembre-se disso quando você ouve um especialista na TV que diz que a culpa por este ou aquele evento são as alterações climáticas … porque 90% não é assim … e se lança em algumas declarações …. para alguns dólares a mais!

Como temos visto repetidamente nos dias de hoje, por exemplo, não há nenhuma evidência científica que liga a seca  para a mudança climática … Como não há nenhuma evidência científica que liga a mudança climática à enorme quantidade de água que choveu no Texas durante o furacão Harvey … ou durante as monções no sudeste da Ásia.

Mas enquanto não temos evidência desses eventos com a mudança climática, que por estes peritos significam única e exclusivamente  um aumento da temperatura média do planeta por causa das emissões de CO2 para a atmosfera, temos exatamente o oposto.

Anos atrás, expliquei que durante as fases de aquecimento global, que tem havido e continuará sempre a repetir-se ciclicamente em nosso planeta, os eventos climáticos extremos tendem a aumentar e afetar áreas do planeta, em cada vez mais alta latitude. Pelo contrário, durante as fases de resfriamento global, teremos estes eventos de volta para menor latitude. Isto é porque a massa de ar quente e fria … durante o aquecimento a primeira se expande e o segundo se contrai … enquanto que durante o arrefecimento é exatamente o oposto.

Quando, massas de ar quentes e úmidas se expandem e se movem para o norte, eles encontram as massas de ar frio, resultando em muito intensos eventos climáticos extremos … mas limitados no tempo … como a única área do planeta em que temos uma evaporação intensa é a zona equatorial. A partir daqui os ventos movem as massas de ar quente e úmida em torno dos hemisférios … mas a quantidade de calor e umidade que chega em altas latitudes diminui muito rapidamente.

Quando for ao invés o frio se expande, essa participação cai e atinge essas áreas, na latitude gradualmente inferior, em que a massa de ar é extremamente quente e ar muito carregado de umidade. Os eventos climáticos em seguida, tomando características extremas … não para o calor presente na área, mas para a enorme quantidade de ar frio proveniente de áreas próximas a uma maior latitude.

Mas oh bem … eu tenho um blog … ou um espaço em que  escrevo minhas opiniões sobre temas que alguns me dizem que não estudei e do qual não entendo absolutamente nada (só porque não acredito na farsa do AGW). Então, eu não tenho nenhuma palavra na matéria … mesmo que relatei frequentemente artigos e estudos científicos revisados por pares  que me dão razão.

Enfim … cabe a vocês leitores determinar quem está certo e quem não é. Ou melhor … é para você aceitar para o bem (como ouro) o que é servido lá em cima na TV ou em profundidade com a cobertura em blogs e vários sites. Então, todo mundo é livre para acreditar no que ele quer. Mas, para falar … para declarar quem estava certo e quem estava errado, valem apenas os fatos e os dados científicos (aqueles sem manipulações). E estes  últimos, por agora, está me dando razão!

SAND-RIO

Anúncios

One Comment

  1. Antonio Muniz Gomes
    Posted 14 setembro 2017 at 12:28 AM | Permalink

    Legal os filmes do velho Oeste Italianos. Ficaram na memória para todo sempre.


Comente

Required fields are marked *

*
*

%d blogueiros gostam disto: