2015 … é realmente o mais quente de todos?

Podemos fazer um balanço da situação relativa a térmica do ano 2015, chegou no início de setembro: o ano aparece em oitavo lugar no ranking dos mais quente de sempre, com uma anomalia de + 0,189 Cº totais.

O mais quente de todos os meses de setembro até agora é, a  de setembro de 2005, com uma anomalia de + 0,304 ° C, seguido pelo 2002 anomalia igual a 0,306, em seguida, segue-se em terceiro lugar em 2006, com + 0,293 ° C.

Em suma, enquanto para a NOAA o 2015 é o ano mais quente da história para o NCEP isso absolutamente não é verdade (e até mesmo para os dados de satélite).

Como então você explica essa diferença de dados entre os dois centros de dados?

O mapa é do Climatenews mostra uma diferenciação interessante: As duas áreas frias do globo, Groenlândia, da Antártida e parte da Africa central, que apresentaram temperaturas bem abaixo do normal, em 2015, tem sido “cortados” da base de dados da NOAA … talvez para a falta de estações meteorológicas? KKKKK Mas fiquem tranquilos que se a temperatura na Antártida e Groenlândia era mais quente o NOAA estava pronta para colocar no seu data base.

É por isso que  2015, para a NOAA, é atualmente o ano mais quente de sempre, embora isso não corresponde à realidade!

O mapa é de https://pbs.twimg.com

11 setembro 15 .png-large

A NASA/NOAA  diz que os últimos dois anos, 2014 e agora 2015,  teriam sido o mais quentes já registrados desde que sejam detectadas as temperaturas. Isso, no entanto, como superfície medida, que sabemos que são fortemente influenciadas pelas ilhas de calor urbano, vilão do desmatamento de áreas florestais, por unidades retiradas ou quebrados e nunca reparadas ecc.ecc.ecc.

201401-201412

Mas o registro das temperaturas dos últimos dois anos são apoiadas por dados recolhidos por satélite, neste caso, RSS, e sabemos que, de longe, ser o melhor para a sua precisão nas medições de temperatura.

ScreenHunter_297-setembro-12-18,15

Fonte: WoodForTrees

No gráfico acima, vemos que a tendência da temperatura, desde 1997, manter-se estável (linha verde), enquanto buscamos um aumento substancial em 1998 devido à Nino forte, um aquecimento anormal do Oceano Pacífico e natural, capaz de mudar a temperatura em todo o planeta (linha vermelha), em seguida, em 2010, novamente por causa do Nino, também neste caso muito forte.Notamos também como a temperatura em 2014 e 2015 não são  os maiores já registrados.

Outra coisa que chama o olho e que, apesar da forte Nino de 2015,  as temperaturas não estão subindo muito, mas se mantêm mais ou menos estáveis.

Vamos ver se nos próximos meses, eles vão começar a sua ascensão natural.

Então, no momento não podemos dizer que as temperaturas dos últimos dois anos NÃO são a mais quentes  como as agências do governo estadual NASA/NOAA querem nos dizer a mando do governo!!

Comente

Required fields are marked *

*
*

%d blogueiros gostam disto: