EXPECTATIVA DO ESTABELECIMENTO DE CONDIÇÕES DE EL NIÑO NOS PRÓXIMOS MESES e em 2013

Nos últimos dois meses nota-se a persistência de um importante aquecimento das águas superficiais do Oceano Pacífico equatorial central e leste, e também em camadas subsuperficiais, o que indica evolução das condições oceânicas para uma possível configuração de fase positiva do fenômeno ENOS (episódio El Niño).

Em superfície, o núcleo de águas quentes (anomalias positivas de TSM de cerca de 0,5°C a 1,5°C) encontra-se restrito às regiões central e leste, enquanto que próximo à costa da América do Sul (Niño 1+2) destacam-se anomalias negativas de TSM, possivelmente provocadas por sistemas transientes. No oeste do Oceano Pacífico equatorial, predomina um padrão de TSM próximo à normalidade. Embora haja um amplo aquecimento das águas superficiais e subsuperficiais, os padrões de circulação atmosférica de grande escala ainda encontram-se inconsistentes com condições de El Niño, e segue vigorando a fase neutra do fenômeno ENOS. No Oceano Atlântico tropical sul, os últimos meses foram marcados por um padrão predominante próximo à normalidade nas águas superficiais, o que desfavoreceu a formação e propagação de sistemas ondulatórios de leste, e por consequência prejudicou o período chuvoso do leste da Região Nordeste. Em contrapartida, no Atlântico tropical norte é possível observar águas levemente aquecidas (cerca de 0,5°C acima da média) próximo à costa do extremo norte da América do Sul.

As previsões mais recentes dos modelos climáticos indicam que as águas superficiais em grande parte do Oceano Pacífico equatorial continuem evoluindo para um padrão anomalamente mais aquecido nos próximos meses, o que pode levar ao surgimento de aspectos da circulação atmosférica consistentes às condições oceânicas de El Niño, e possivelmente consolidando a configuração de um episódio quente (El Niño) do fenômeno acoplado oceano-atmosfera ENOS ainda neste ano.

Os  modelos pronostican una media para la temperatura del EN34 de 0,9°C. Aparentemente se prevede o inicio de um Niño débil con máxima intensidade durante la primavera e que depois vá debilitando-se. Para o próximo trimestre existe un 70% de probabilidad de Niño e um 20% de neutralidade.

SST Animation

Enfim quero mostrar o nível dos oceanos e mares depois de tantas idiotices que ouvi na mídia brasileira.

SAND-RIO.

2 Comments

  1. Antonio
    Posted 22 setembro 2012 at 1:18 PM | Permalink

    Mesmo com El Ninõ, a temperatura não vai subir tanto, e no fim será abaixo do esperado? É isso.

  2. Roldao
    Posted 27 setembro 2012 at 12:40 AM | Permalink

    Boa pergunta , Antonio, faz sentido.
    O Sand poderia ajudar, aquecimento do Oceano, El Nînô, poucas SN, o ciclo 24 que parece estar no máximo, atemperatura esta caindo, mas este verão no Norte foi recorde…


Comente

Required fields are marked *

*
*

%d blogueiros gostam disto: