Malditos sacos

Os sacos plásticos que utilizamos para transportar as compras dos hipermercados, são um dos maiores pecados que podemos cometer, segundo a maioria das organizações ambientalistas.  Estes pecados são uma inspiração para os políticos, sempre desejosos de aplicar mais uma taxa como forma de penintência aos “pecadores”.

Para aqueles que pensam que os sacos de pano são a salvação, a leitura dos resultados do estudo de Gerba et al. deverá dar que pensar. A análise dos sacos re-utilizáveis revelou entre outros, vestígios de Escherichia Coli,  uma bactéria preocupante em termos de saúde pública, que pode matar de diferentes formas, e encontrada em metade dos sacos re-utilizáveis analisados. A Escherichia Coli é a mesma bacteria que foi detectada em uma forma mutante resistente a todos os antibioticos.

http://oglobo.globo.com/vivermelhor/mat/2010/08/11/bacteria-mutante-resistente-todos-os-antibioticos-disponiveis-deixa-mundo-em-alerta-917369170.asp

http://pt.wikipedia.org/wiki/Escherichia_coli

A presença de salmonella foi também detectada nos sacos analisados pelo estudo, a um total de 84 consumidores do estado do Arizona, nos Estados Unidos.

http://www.telegraph.co.uk/finance/newsbysector/retailandconsumer/7863807/Bags-for-life-could-have-E.coli.html

O estudo alerta para o problema de saúde pública que estes sacos representam. Um inquérito determinou que 97% dos consumidores nunca lavaram sequer esses sacos, desconhecendo completamente que o devem fazer pelo menos uma vez por semana. Algo tão simples como os enfiar na máquina de lavar, mais um pecado insuportável para os ambientalistas, dado o consumo de água e detergentes…

SAND-RIO

Comente

Required fields are marked *

*
*

%d blogueiros gostam disto: